Os sabores multicoloridos da Cidade do México

GUIA DE VIAGEM
ROLAR PARA VER

A região do Caribe abriga verdadeiros tesouros. Barbados é um deles e surpreende em variados sentidos

Banhado pelo Oceano Atlântico e pelo Mar do Caribe, o país insular apresenta praias paradisíacas que já seriam por si só determinantes do esplendor da regiãoPorém, junto ao aconchego das águas mornas, à beleza do mar azul cristalino e da areia branca, Barbados traz muitas outras surpresas e pulsa cultura e autenticidade.

O local também tem costumes curiosos. Por ter sido colônia inglesa, além da natural alma caribenha, Barbados apresenta heranças típicas britânicas, como o famigerado chá da tarde, o críquete como esporte nacional e a utilização da mão direita no trânsito.  

A ilha, que é uma das mais desenvolvidas do Caribe, apresenta boa estrutura turística, encantadoras atrações naturais, vida marinha fascinante, comida e bebida de qualidade e diversos festivais anuais. 

O principal evento é o Crop Over, conhecido como o carnaval de Barbados e caracterizado por muita festa e música pelas ruas. E o mais interessante é que ele se assemelha muito ao do Brasil, com trios elétricos e uso de fantasias!       

Motivos não vão faltar para visitar, desbravar e se surpreender com Barbados, terra da cantora Rihanna e que promete atender a todos os gostos. Saiba mais! 

A Panadería Rosetta é um combo dois-em-um que reúne um restaurante especializado em culinária italiana com uma padaria tão tradicional que faz você se sentir no interior da Sicília. A experiência é potencializada pela ambiência da Rosetta, que se situa num antigo casarão bastante arborizado e aconchegante em um bairro cultural.

 

Mas o grande diferencial da Rosetta é fruto da expertise de sua chef, Elena Reygadas, que decidiu quebrar as regras e arriscar com o menu do restaurante. Elena começou no French Culinary Institute em Nova Iorque e seguiu para trabalhar em Londres com o famoso chef italiano Giorgio Locatelli.

 

Foi esse aprendizado ao longo de sua carreira que permitiu Elena fazer adaptações incríveis de receitas clássicas italianas, utilizando técnicas francesas e ingredientes mexicanos adquiridos localmente. O resultado é um cardápio exótico, surpreendente e de dar água na boca

 

E depois de uma refeição extremamente satisfatória, nada como dar um pulinho na Panadería ao lado e fechar a conta com uma guloseima italiana.

 

Máximo Bistrot

Com raízes similares ao Rosetta, o Máximo Bistrot também busca quebrar as regras. Desta vez, dotando de ingredientes mexicanos, todos farm-to-table e produzidos nas redondezas de Xochimilco, região sul da Cidade, para preparar pratos típicos da culinária francesa, sempre com um empratamento impecável como visto na capa

 

Para tanto, o menu do Máximo precisa se adaptar de acordo com a estação e a disponibilidade das safras agrícolas. Embora seja um desafio a mais para a equipe do chef Eduardo García, acaba dando um dinamismo interessante para o estabelecimento, incentivando os clientes a retornarem mais de uma vez para conferir as novidades da casa.

 

Mas no geral você pode contar com a presença das receitas mais clássicas de restaurantes do tipo bistrô. Independente da temporada, purês cremosos, sopas com pescados, foie gras, carpaccios e fondues costumam figurar do início ao fim do ano no Máximo Bistrot. Outro destaque vai para a carta de vinhos da casa, recheada de excelentes garrafas francesas.

 

Pujol

Ceviche de pescado ao molho de amendoim, acompanhado de aipo com yuzu, uma fruta cítrica chinesa. É essa mistura excêntrica, envolvendo as raízes culinárias do México com pitadas de gastronomia molecular, que fez do Pujol um dos melhores restaurantes do México e do mundo. 

 

No ano passado, o Pujol figurou na décima-terceira colocação no The World Best Restaurants, um feito histórico para a gastronomia mexicana. O chef Enrique Olvera é um capitalino de coração e alma – é assim como chamamos aqueles que nasceram na Cidade do México. Mas foi a sua experiência capitaneando o Cosme, que se destacou em Nova Iorque por sua culinária mexicana com toques contemporâneos, que realmente o levou ao estrelato.

 

Se você gosta de programas de culinária, você pode assistí-lo em duas séries da Netflix, em que ele foi tanto participante quanto jurado. Mas para saber mesmo porque Enrique Olvera e seu restaurante Pujol tem feito tanto sucesso, só mesmo experimentando em primeira mão.

 

E você, já deu pra sentir a fome bater à porta? Que tal saciar essa vontade e conhecer toda a diversidade da gastronomia mexicana sem nenhuma preocupação e com todo o conforto que você e sua família merecem?

 

Entre em contato com a FredTour, faça as suas malas e se prepare para viver o México do melhor jeito possível — o seu! #VivaOExtraordinario

Compartilhe
TAGS
GUIA DE VIAGEM

POSTS RELACIONADOS

Barbados: um paraíso no Caribe

A região do Caribe abriga verdadeiros tesouros. Barbados

Escandinávia: a península maravilhosa

Você já conhece a região da Escandinávia? Se não, ...

Viagem de lua de mel: 7 melhores destinos

Se o casamento é um dos momentos mais importantes na vida de uma pessoa, a viagem de lua d...